RTG NEWS  
BINÔMIO “CONSTRUTIBILIDADE & MANTENABILIDADE:” A garantia operacional e funcional de um hospital | RTG Especializações
Notícias

BINÔMIO “CONSTRUTIBILIDADE & MANTENABILIDADE:” A garantia operacional e funcional de um hospital

Quando fui iniciado no Universo Saúde me deparei com um conceito do Mestre Jarbas B. Karman: “Hospital é um organismo vivo, está sempre mudando”.

Após participar da concepção e execução de projetos hospitalares gostaria de compartilhar algumas constatações relacionadas ao título este artigo.

Um hospital é uma construção diferente. Por ter como premissa básica a capacidade da operação ininterrupta e estar intimamente ligado a vida dos pacientes o nível de confiabilidade requerido é acima normalidade.

Ao idealizar um projeto seus criadores devem se preocupar com a disponibilidade dos sistemas, garantia da segurança dos usuários, dos pacientes e dos colaboradores, e o retorno econômico-financeiro para a instituição.

A RDC-50 ANVISA menciona a quebra de um projeto em três fases consecutivas - Estudo Preliminar, Projeto Básico e Projeto Executivo. Já a JCI indica seis fases: Planejamento, Anteprojeto, Projeto Arquitetônico, Documentos de Construção, Construção e Comissionamento. A diferença está no foco dos registros e documentos do projeto.

Em minha opinião, a engenharia conceitual ainda na fase de Estudo Preliminar á a maior responsável qualidade e eficiência por garantir a facilidade da manutenção posterior dos sistemas e dos equipamentos.

Não podemos esquecer que um bom gerenciamento de riscos na fase inicial do processo garantirá um bom projeto básico e consequentemente uma boa engenharia de detalhamento.

Desatender as normas técnicas, legais e procedimentos de certificação e acreditação podem inviabilizar a liberação de licenças e alvarás de funcionamento e em casos mais graves multas e interdição para as devidas correções.

Portanto, iniciar uma obra apenas com o projeto básico sem a devida elaboração dos documentos de construção compatibilizados e sem uma análise pré-obra trará transtornos irreparáveis para a organização.

Um bom projeto deve prever fácil acesso às instalações e equipamentos de cada sistema bem com redundâncias que permitam as paradas para manutenção sem impactar as rotinas e atividades diárias.

 

*George Hebert é Engenheiro Civil e Administrador de Empresas fundador e co-owner da Quantum Consultores Associados.
 
 
REVISTA RTGNEWS A RTG NEWS reúne conteúdo e estudos de caso sobre as várias vertentes da Engenharia na atualidade.
BINÔMIO “CONSTRUTIBILIDADE & MANTENABILIDADE:” A garantia operacional e funcional de um hospital | RTG Especializações
CATEGORIAS Saneamento   Eventos   Notícias   Palestras  
Mais Notícias